Segunda-Feira, 04 de Março de 2024 - 22:06:01    Oferecimento Mato Grosso em Destaque
Facebook Mato Grosso em Destaque Instagram Mato Grosso em Destaque Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque WhatsApp Mato Grosso em Destaque
Mato Grosso em Destaque


Data: 11/10/2023 - 15:16 - Por: Da Redação

Menina com sinais de estupro falece em hospital de Barra do Garças

Exames mais detalhados revelaram lacerações na vagina e no ânus da menina


Menina de 5 anos faleceu em uma unidade de saúde de Barra do Garças (508 km a leste de Cuiabá) na manhã de quarta-feira (11) após sofrer duas paradas cardíacas. A equipe médica identificou sinais de estupro na menor, que também tinha síndrome de Down. A avó da criança foi detida sob a acusação de abandono de incapaz, com resultado de morte.

A menina foi levada à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) na tarde de terça-feira (10) pela avó. A avó relatou que a menina apresentou febre e vômitos nos últimos dias, mas somente na terça-feira ela a levou ao médico.

Durante o atendimento, a equipe médica notou hematomas em várias partes do corpo da criança. Exames mais detalhados revelaram lacerações na vagina e no ânus da menina.

Enquanto estava na UPA, a menina sofreu duas paradas cardíacas, sendo reanimada e encaminhada ao Pronto-Socorro. Dada a gravidade da situação, a equipe médica decidiu transferi-la para Cuiabá, mas a criança não resistiu e faleceu antes da transferência.

A avó da menina alegou que a menor havia ficado sob os cuidados de uma amiga da família nos últimos dias para permitir que ela viajasse. Ela afirmou ser a responsável pela menina, alegando dar banho nela todos os dias, e disse não ter notado nada fora do comum.

No entanto, sua versão contradiz o relatório médico que afirmou que as lesões eram visíveis a olho nu e que qualquer pessoa, independentemente de seu conhecimento médico, teria sido capaz de identificá-las. A avó se recusou a colaborar com a polícia na tentativa de esclarecer os fatos, embora tenha afirmado que estava com a criança "24 horas" por dia.

Ao receber a notícia da morte de sua neta, a avó não demonstrou emoção e pareceu alheia à situação, de acordo com relatos dos policiais. Ela demonstrou preocupação apenas em encontrar um advogado para acompanhá-la.

O Conselho Tutelar foi acionado e revelou que havia registros anteriores de maus-tratos e abandono por parte da mãe da menina. O irmão dela também seria vítima das condições e se recusava a ficar com a mãe.

Os pais das crianças são diferentes e já faleceram. A mãe da menina, embora ciente do falecimento, não procurou as autoridades para obter informações sobre o caso. A avó, ao ser informada sobre os procedimentos para a liberação do corpo, afirmou que cuidaria disso "depois". Ela foi encaminhada à delegacia da cidade e autuada.




Curta Nossa Página no Facebook:





Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Menina com sinais de estupro falece em hospital de Barra do Garças

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.


COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA COM SEUS AMIGOS




Mato Grosso em Destaque | Portal de Notícias de Mato Grosso - Todos os direitos reservados.

Facebook Mato Grosso em Destaque    Instagram Mato Grosso em Destaque    Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque    WhatsApp Mato Grosso em Destaque

E-Mail: reportagem@matogrossoemdestaque.com.br

Política de Privacidade | Termos de Uso


Invent Web - Agência Digital