Quinta-Feira, 18 de Agosto de 2022 - 05:44:19    Oferecimento Mato Grosso em Destaque
Facebook Mato Grosso em Destaque Instagram Mato Grosso em Destaque Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque WhatsApp Mato Grosso em Destaque
Mato Grosso em Destaque


Data: 02/12/2021 - 09:26 - Por: Midia News

Caracol indiano perigoso é confirmado em Chapada dos Guimarães

Morador fotografou a espécie e encaminhou email para pesquisadora da Unesp, que confirmou caso


Um morador de Chapada dos Guimarães identificou a presença de uma espécie de caracol indiano, considerado perigoso e que pode transmitir doenças graves, como a meningite.

 

Após encontrar o bicho em sua residência, o morador o fotografou e encaminhou um email a uma especialista da Unesp (Universidade do Estado de São Paulo), que estuda a propagação do caracol no Brasil.

 

"Infelizmente, trata-se do caracol indiano", respondeu a biologa.

 

A espécie invasora está sendo investigada em pelo menos sete estados brasileiros. Natural da Índia, o caracol é um possível hospedeiro de vermes causadores de doenças gastrointestinais e até de meningite.
 

Pesquisadores da Unesp já confirmaram a presença desses animais no Paraná e em São Paulo. Há relatos também em Santa Catarina, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais e Goiás

 

Ao menos duas espécies de nematoides consideradas causadoras de doenças podem usar esse invasor em seu ciclo. O Angiostrongylus cantonensis, que pode provocar meningite ou meningoencefalite, e o Angiostrongylus costaricensis, que provoca a angiostrongilose abdominal, infecção que provoca dor semelhante à apendicite.

 

A transmissão dessas doenças na Índia, por meio desses caracóis, já é bem documentada. Ainda não é possível saber se os indivíduos invasores identificados no Brasil estão infectados por esses nematoides, comuns em ratos.

 

Ainda não é possível saber se os indivíduos invasores identificados no Brasil estão infectados por esses nematoides, comuns em ratos.

 

Por precaução, os cientistas recomendam o uso de luvas ou sacolas plásticas, durante o manuseio, a qualquer pessoa que se depare com um deles.

 

Como identificar 

 

O caracol indiano, é de fácil identificação. É pequeno, possui uma casca delicada na cor âmbar, chegando no máximo ao tamanho de uma moeda de R$ 1.

 

Sua atividade é maior à noite e após as chuvas. Uma característica importante desta praga é a saliência carnuda e pontiaguda na ponta da cauda.

 

Quando relaxado, possui uma ponta de carne que se estende para trás, ao redor ou sobre a concha, diferenciando-o de outros caramujos terrestres.

 

O que fazer caso encontre

 

Caso ocorra uma infestação deste caracol, a recomendação é que a pessoa efetue o registro com fotografias e vídeos e entre em contato com o órgão ambiental do seu município ou, na ausência de um órgão municipal, as autoridades ambientais de seu estado, para que façam o manejo adequado.

 

Protocolos de manejo para evitar que se torne uma praga, só serão definidos após um estudo detalhado da presença desse animal no País.

 

Com informações da FolhaPress


Curta Nossa Página no Facebook:





Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Caracol indiano perigoso é confirmado em Chapada dos Guimarães

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.


COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA COM SEUS AMIGOS




Mato Grosso em Destaque | Portal de Notícias de Mato Grosso - Todos os direitos reservados.

Facebook Mato Grosso em Destaque    Instagram Mato Grosso em Destaque    Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque    WhatsApp Mato Grosso em Destaque

E-Mail: reportagem@matogrossoemdestaque.com.br


Política de Privacidade | Termos de Uso